Desfrute do sol de verão sem "escaldão"

Desfrute do sol de verão sem "escaldão"

Desfrute do sol de verão sem "escaldão"

Em époco da férias, nunca é demais relembrar os cuidados a ter com a pele para evitar as indesejadas e inestéticas queimaduras solares.
Mas os seus malefícios não se ficam pelo curto prazo. Também a longo prazo estas trazem consequências, por vezes malignas, pelo que é importante seguir as recomendações dos nossos dermatologistas.

Partilhamos as recomendações da Dra. Mariana Batista | Polidiagnóstico Leiria e Fátima

A exposição solar apresenta vários benefícios entre os quais a regulação do humor e síntese de Vitamina D, importante para a saúde do nosso esqueleto ósseo.

No entanto, se realizada em demasia e sem os devidos cuidados, os raios UV provocam efeitos nocivos na pele. Aceleram o seu envelhecimento ,podendo também provocar reações cutâneas e, a longo prazo, cancros cutâneos.

Para se poder retirar o melhor partido do sol é, por isso, necessário adotar um conjunto de medidas que incluem a utilização de um protetor solar:

• Opte por um filtro solar com pelo menos SPF 30, ou superior, rotulado como espectro

alargado (cobertura UVB e UVA);

• Particularmente para fotoproteção do rosto, pode optar por produtos que vão de encontro ao seu tipo de pele (pele acneica, pele sensível ao sol);

• Nas crianças com menos de 6 meses não devem aplicar-se protetores solares, devendo privilegiar-se o recurso à sombra e vestuário de proteção;

• Crianças mais velhas e grávidas devem utilizar filtros solares inorgânicos (minerais);

• Relativamente à textura (fluida, creme, leite, gel, spray), deve escolher a mais adaptada à zona de aplicação e sua preferência;

• Os filtros solares em spray devem ser aplicados generosamente para atingir o SPF rotulado;

Não esquecer ainda:

• evitar a exposição entre as 11 e as 16 horas;

• aplicar protetor solar 15 minutos antes da exposição e renovar a aplicação a cada 2 horas;

  a aplicação deve ser reforçada no caso de banhos frequentes e/ou transpiração excessiva;

• não expor crianças com menos de 12 meses de idade à luz direta do sol;

• utilizar vestuário/objetos de proteção (roupa, chapéu, óculos anti-UV).

Desfrute o melhor do seu verão!

Partilhar:
Ao navegar pelo nosso website e/ou utilizar os nosso serviços aceita o uso de cookies. Fechar esta notificação